Luxação Acromioclavicular

 

“É somente uma luxação”. Já ouvimos muitas vezes esta expressão na televisão , porém ela minimiza o fato de uma luxação ser uma das mais graves lesões que podem ocorrer à uma articulação.

O termo “luxação” significa a perda do contato natural que existe entre um osso e outro, e para que isso ocorra várias estruturas ao redor podem ser lesionadas como ligamentos , tendões, nervos, entre outras…

As luxações acromio-claviculares correspondem a aproximadamente 12% das luxações da cintura escapular, sendo mais comum em indivíduos jovens, entre as terceira e quarta décadas, e do sexo masculino.

O diagnóstico em trauma agudo é realizado pela avalaiação clinica no consultório e pelo raio-x. Nenhum outro exame de imagem é necessário para conduta.

O médico ortopedista de sua confiança poderá indicar o melhor tratamento. Casos de menor deslocamento podem ser tratados com imobilização com tipóia ou simplesmente repouso, e casos de maior deslocamento a cirurgia é a opção.

A técnica de escolha utilizada pelo Dr Freddy Segatto é a cirurgia de Weaver Dunn modifica,  na qual a estabilização é realizada através de uma transferência ligamentar proporcionando um tratamento mais fisiológico e funcional sem necessidade de novas intervenções.